Quais as vantagens da APN privada em comparação com a APN pública?

o que é apn?

APN é uma sigla trazida pela revolução tecnológica, você sabe o que significa? Ela está diretamente relacionada a uma conexão segura, quando um dispositivo precisa utilizar a rede 2G, 3G ou 4G.

Para você entender o que é APN e qual o seu papel nos nossos acessos diários à internet, tanto na nossa vida pessoal como na vida profissional, elaboramos este artigo com informações detalhadas.

Além de mostrar os tipos de APN que existem – privada e pública – vamos explicar as vantagens e desvantagens de cada um deles. De posse dessas informações, será possível avaliar qual o mais indicado para agregar valor ao seu negócio.

Boa leitura! 

Entendendo o que é APN

A APN - Access Point Name em inglês, podendo ser traduzida como ponto de acesso - é extremamente importante para qualquer operação nos mercados de Machine-to-Machine (M2M) e IoT, a famosa Internet das Coisas.

Essa relevância se dá em virtude de todo dispositivo que utiliza a rede GPRS (2G, 3G, 4G e, ainda, da tão aguardada e já comentada 5G) necessitar de uma APN para acessar a internet.

Para ficar mais claro o entendimento sobre o que é APN, saiba que esses pontos de acesso são endereços que permitem a um dispositivo sair da rede de sua operadora e acessar a rede mundial de computadores.

Quando o dispositivo enviar uma solicitação de acesso à internet, essa requisição é enviada para um gateway. Através dele, as transmissões podem sair da rede da operadora e ir para uma rede externa.

Esse gateway, espécie de ponte utilizada para estabelecer comunicação entre duas redes distintas, é o que chamamos de APN – o que exige que qualquer aparelho que utilize serviços de telefonia móvel, tenha em suas configurações um cadastro dentro da Access Point Name!

A título de comparação e visando ampliar o entendimento sobre o que é APN, vamos pensar em uma rede de Wi-Fi. Sempre que precisamos acessar uma dessas redes, notamos a existência de vários nomes disponíveis em uma determinada área - além disso, é possível ter mais de uma rede Wi-Fi em um mesmo roteador.

Da mesma forma, é possível ter várias APNs na torre de celular ou em um dispositivo IoT, cada uma delas com suas próprias configurações e controles para segurança.

Os administradores de rede conseguem ver quais informações um dispositivo envia através da APN, podendo aplicar regras de como tratar esse tráfego na rede. Sendo assim, o caminho percorrido por seus dados dependerá da APN a qual você estiver conectado e o modo como são configurados.

Resumindo, para obter qualquer recurso ou passar dados pela rede, é preciso estar conectado a uma APN, que pode ser vista como uma porta de entrada entre o dispositivo e uma rede mais ampla. Uma porta que, ao invés de chaves e trancas, utiliza configurações específicas para garantir a segurança do usuário – especialmente quando se trata da APN própria.

APN X VPN

Apesar de terem nomes bem parecidos, APN e VPN representam duas maneiras distintas de trocar dados através de uma rede, sendo importante conhecer a finalidade de cada uma delas para evitar confusão.

Como já vimos, para que um dispositivo móvel possa fazer uma conexão de dados, o mesmo deve ser configurado com uma APN, uma vez que ela identificará a rede que o utilizador móvel pretende se comunicar.

Já a VPN, sigla para Virtual Private Network, em inglês - no português, Rede Privada Virtual -, permite uma ligação encriptada entre os pontos ou redes. São muito comuns em empresas, permitindo que as informações estejam sempre disponíveis a qualquer pessoa que tenha acesso.

Outra facilidade é que os colaboradores podem acessar os dados de qualquer lugar e em qualquer horário, facilitando a comunicação e a produtividade de todo o time.

Essa facilidade de acesso, com segurança digital, tem sido essencial para a realização de trabalho remoto (home office), tão essencial nos tempos atuais, em virtude da pandemia provocada pela Covid-19 -  que provocou mudanças não só na forma de trabalho, como em outros hábitos de nossa vida, entre eles o reforço na higienização pessoal e em veículos.

Em suma, a VPN funciona como uma espécie de camada extra na internet, criando um canal de comunicação seguro para transmissão e arquivo de dados organizacionais.

Quais os tipos de APN que existem?

Existem dois tipos de pontos de acesso: a APN Pública e a APN Privada. Vamos saber mais sobre cada uma delas.

O que é APN Pública?

A APN pública é por onde todas as transmissões de dados do nosso dia a dia passam – ligações, mensagens, conexões de internet de smartphones e computadores estão entre elas.

Muitas operadoras de rede móvel oferecem aos usuários uma APN Pública contendo um conjunto básico de configurações para conectar-se à internet permitindo executar tarefas típicas que os usuários costumam realizar na rede.

Para ficar bem claro o que é APN Pública, é importante ressaltar que ela costuma incluir alguns recursos de segurança, como acesso por firewall de dispositivos externos à internet, o que impede que um dispositivo converse com outro se não for reconhecido na rede. 

Trata-se de uma configuração simples que dá acesso à rede, mas não permite personalizar configurações e recursos de segurança que podem ser necessários para uma implantação de IoT, para citar uma utilização mais sofisticada.

Cada operadora possui a sua APN pública e um dos grandes problemas desse tipo de ponto de acesso é a quantidade de conexões que passam por ela ao mesmo tempo.

APN Privada – saiba mais!

A APN Privada proporciona o detalhamento e a personalização das configurações de rede, o que permite a construção de uma rede adaptada às necessidades de determinada empresa. 

Essa personalização, possível graças à evolução tecnológica, não é o único atrativo da APN Privada, cuja concorrência entre as transmissões de dados é muito menor em função de só poder trafegar por ela as transmissões que vieram de dispositivos cadastrados nesse ponto de acesso. Todos os demais dispositivos que se conectam à rede GPRS (G3 e afins) sem estar na APN Privada, trafegam pela APN Pública.

Vantagens e desvantagens da APN Pública e da APN Privada

Agora que já explicamos o que é APN, vamos fazer uma comparação entre esses dois pontos de acesso, buscando entender qual deles oferece maior vantagem.

Vantagens e desvantagens da APN Pública

A APN Pública tem como principais vantagens o preço - que costuma ser inferior ao outro tipo de APN - e o fato de estar presente, como padrão em suas configurações, em todos os dispositivos que têm acesso à telefonia móvel – não há necessidade, nesse caso, de mudar a configuração dos aparelhos: basta comprar e usar!

Ou seja, ela permite o acesso à internet sem que seja preciso desembolsar grandes valores ou mexer no dispositivo.

Mas, infelizmente, em virtude da enorme quantidade de conexões que passam simultaneamente pela APN Pública, há queda de sinal e lentidão na transmissão de dados. 

Esse problema de lentidão fica ainda maior quando sabemos que o Brasil é um dos países com piores índices de velocidade de internet. Essa é a constatação do relatório elaborado pela Pingdom, de 2016, que mostra o índice nacional de velocidade média de 1.36 Mbps contra 16,63 Mbps do primeiro colocado no ranking, a Coreia do Sul.

Vantagens e desvantagens da APN Privada

Continuando as informações sobre o que é APN, é importante salientar que as linhas cadastradas na APN Privada têm prioridade de acesso às torres de telefonia, quando comparadas às públicas. Dessa forma, as solicitações de acesso passam na frente, semelhante à sala de espera de um consultório, onde pacientes com horário marcado são atendidos antes daqueles que aguardam por um encaixe – que vão ficando por último, até que abra uma brecha na agenda do médico.

Algumas das principais vantagens desse acesso prioritário - que permite diminuir o número de dispositivos solicitando conexões - são:

  • Melhor qualidade do acesso e da comunicação;

  • Tráfego de dados mais estável;

  • Maior segurança na troca de informações.

Outro benefício muito importante em relação ao que é APN e o que ela proporciona quando se trata de conexão particular, é permitir realizar controle do acesso à internet. Segundo os especialistas da TNS, ter uma APN própria significa saber o volume de dados que cada Sim Card utiliza, levando a uma fatura correta para o cliente no final do mês.

E as vantagens não param por aqui, já que a APN Privada permite medir o volume de dados trafegados, respeitando a privacidade do usuário/cliente – isto é, sem olhar a informação que está sendo transmitida e recebida.

Por fim, mas não menos importante, figura na lista de facilidades da Access Point Name particular a possibilidade de fazer IMEI Lock, impedindo que outros dispositivos façam uso da conexão – algo impensável na APN Pública e que por sua importância, vamos detalhar em tópico posterior.

APN Privada ou Pública: qual o ideal?

Obviamente, cada empresa precisa avaliar as suas necessidades e condições para definir qual APN escolher, mas é inegável que a APN Privada oferece muito mais rapidez, estabilidade e segurança.

Na prática, isso significa que os Chips M2M ficarão ativos praticamente sem interrupções. Isso é essencial para qualquer tipo de negócio, porém ainda mais para aqueles onde a conexão é essencial para garantir, além da execução do trabalho, a integridade física de pessoas – caso de empresas voltadas aos cuidados com a saúde ou empreendimentos que oferecem rastreamento veicular, por exemplo.

Sabendo o que é APN Privada podemos citar entre suas vantagens:

  • Capacidade de personalizar endereço de IP;

  • Permitir alterar suas próprias configurações de segurança;

  • Criar uma segunda camada de criptografia de dados;

  • Garantir que as comunicações dos dispositivos sejam bem mais seguras.

A APN privada também facilita às empresas estarem em compliance, atendendo as normas vigentes. Como a LGPD – Lei Geral de Proteção de Dados, que responsabiliza as organizações por acesso indevido a dados pessoais de seus clientes, cobrando multas altas para quem não seguir suas exigências.

A TNS oferece links dedicados e/ou VPN (IP-SEC) para a interconexão entre a nossa estrutura e a dos nossos clientes. 

Além das vantagens apresentadas acima, ainda temos como benefícios: 

  • Melhor controle dos dados enviados ao servidor do nosso cliente;

  • Monitoramento automatizado das conexões entre os servidores com a geração de alarmes em caso de falha, minimizando assim a perda de dados e indisponibilidade dos equipamentos por falta de comunicação. 

Saiba como funciona o benefício  do IMEI Lock oferecido pela TNS

Chamamos de IMEI a identidade internacional do equipamento móvel. Trata-se basicamente do número de série do aparelho, permitindo identificar sem margem de erro o dispositivo que está se conectando à internet.

Essa tecnologia bastante avançada é disponibilizada pela TNS que consegue capturar os dados de IMEI quando o SIM Card M2M se conecta à internet através da APN Privada.

Com esse número identificado, podemos garantir que somente o dispositivo determinado pelo IMEI tenha acesso à utilização do chip. Dessa maneira, caso o Chip M2M seja colocado em outro dispositivo para acesso à internet, a conexão será barrada. Isso porque a APN Privada vai conferir o IMEI e identificará que não se trata do dispositivo cadastrado em nosso sistema

Os dispositivos que utilizam SIM Cards fornecidos pela TNS usam a APN Privada, fazendo com que as linhas trafeguem de forma segura e com todos os registros disponibilizados na plataforma LSM.

Além da segurança, a APN Privada oferece estabilidade e maior qualidade de conexão, agilidade no envio e recebimento de dados, bem como maior segurança digital.

Também torna possível o controle de acesso – ao contrário da APN Pública que, como já dissemos, permite a conexão com qualquer dispositivo que utilize o SIM Card, impedindo o controle da cobrança por uso de dados.

Não menos importante é saber que a APN Privada ajudará no cumprimento das normas vigentes, evitando que dados pessoais sejam violados/acessados por cibercriminosos, resultando em sérios prejuízos financeiros e de imagem para sua marca.

Agora que você sabe o que é APN Privada, certamente já entendeu que, mesmo representando um investimento maior quando comparada à opção pública, todas as vantagens que ela proporciona levam a uma relação custo-benefício infinitamente superior.

Na verdade, o valor empregado na contratação da APN Privada é um investimento seguro, uma vez que promove melhorias na qualidade de conexão e, como consequência, no serviço oferecido por sua empresa. Dessa maneira, permitirá a recuperação do investimento feito a médio e longo prazo e vai conseguir fazer uma melhor gestão dos seus dados

Converse agora mesmo com nossa equipe de especialistas e saiba mais sobre os benefícios que a APN Privada pode fazer por seu negócio.

Deixe seu comentário, crítica ou sugestão


Ao acessar o nosso site, você concorda com o uso de cookies para analisar e produzir conteúdo e anúncios adaptados aos seus interesses. Leia nossa Política de Cookies.